admin

16 abril 2014

Nenhum comentário

Estudantes na luta por mais segurança em Ourinhos

Movimento Estudantil luta pela construção de um trevo de acesso ao campus da FIO

 

Estudantes das Faculdades Integradas de Ourinhos estão se mobilizando para que o DNIT (Departamento Nacional de Infraestrutura de Transporte) aprove a construção de um trevo de acesso ao campus universitário da FIO. Eles alegam que havia um projeto inicial das obras de duplicação da BR153, que previa a construção do trevo, porém ele foi alterado e um canteiro central foi instalado, dificultando ainda mais o trajeto e acesso ao campus.

No último dia 24/4 alguns representantes do movimento estudantil foram à Câmara dos Vereadores e conseguiram assinaturas e apoio unânime. Na sexta-feira dia 4 de abril alguns estudantes compareceram a uma reunião no gabinete da prefeita de Ourinhos, Belkis Fernandes, com o presidente da instituição de ensino, Roque Quagliato, representantes da ANTT(Agência Nacional de Transportes Terrestres) e da concessionária Transbrasiliana. Todos os presentes se posicionaram a favor do movimento desde que respeitadas as normas técnicas, também foi entregue ao representante da Transbasiliana uma cópia do manifesto com mais de 3 mil assinaturas, de alunos, professores e funcionários das FIO.

De acordo com Karoline Rocha, diretora de Comunicação da UEE São Paulo, que esteve presente no ato, é essencial a construção do trevo para a continuidade das aulas no local com segurança. “A luta dos estudantes da Fio é mais do que justa. É inadmissível que pessoas sofram acidentes graves na porta da universidade. O trevo é questão de segurança para a vida de todos que freqüentam o Campus, observa

Mais informações estão na página Manifesto – FIO, no Facebook.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *