admin

25 abril 2014

Nenhum comentário

Importante passo para a mudança

UEE São Paulo e UNE realizam reunião com o Prefeito Fernando Haddad para apresentar as condições do Corredor Vergueiro e reivindicar soluções para o local

 

Na quinta-feira, dia 17.04, aconteceu uma importante reunião com o prefeito da cidade, Fernando Haddad, organizada pela UEE São Paulo, junto com a UNE (União Nacional Dos Estudantes) , sobre  o acesso dos estudantes  a cidade e a situação do Corredor Vergueiro,  um dos maiores conglomerados de universidades do mundo, na região central da capital, na Rua Vergueiro.

O local possui 10 campus das maiores universidades do país.

 

Na reunião também estavam presentes os secretários Leonardo Barchini (Relações. internacionais), Rogério Sotili (Direitos Humanos), Cesar Callegari (Educação) e o sub-prefeito da Sé, Alcides Amazona. A questão central debatida foi o acesso dos estudantes na cidade de São Paulo.

 

Nas imagens apresentadas ao Prefeito e secretários ficou clara as condições ruins dos estudantes da região quanto a segurança. Eles são obrigados a conviver –  e disputar espaço  com o excesso de lixos e veículos, além de uma iluminação deficiente.

 Segundo o Prefeito há comprometimento em resolver as questões estudantis: imediatamente o problema da iluminação e coleta de lixo no Corredor Vergueiro que atrapalham a locomoção nas vias. E mais, dialogar com a CET para transformar a Taguá num calçadão universitário e criar um grupo com as secretarias para pensar a implantação de um restaurante popular Bom Prato, moradia para os estudantes e bolsas auxílio para incentivo à pesquisa.

“O acesso ao ensino superior aumentou muito por conta dos programas de governo, como o ProUni e Fies, mas é necessário que esse grande contigente de alunos tenha mais assistência como passe livre, moradias, entre outros. Enfim, mais qualidade na vida estudantil . Com certeza, a evasão das universidades privadas seria reduzida”, diz Carina Vitral, presidenta da UEE São Paulo.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *